All posts by Markering Perfect Flight

08 Maio 2019

Agricultura 4.0

O que você entende por “Agricultura 4.0”? Vem comigo que te explico… Agricultura 4.0 é usar a tecnologia e a informática para gerenciar a lavoura e melhorar a produção. Agricultura digital não é apenas mandar uma mensagem , gravar um vídeo ou postar uma foto do campo nas redes sociais. Ela é a otimização de processos e custos por meio de ferramentas digitais, elevando o índice de produtividade e rendimento. A Perfect Flight está totalmente inserida no mundo digital, ajudando sempre você ter o melhor resultado no campo! Fonte: Canal Rural
02 Maio 2019

#PerfectFlightNaMídia – Perfect Flight leva demonstração do aplicativo para Agrishow 2019

“O clima é extremante importante para definir a data da pulverização. Então, ao usar as ferramentas Radar Agro e Agroclima PRO aliadas aos nossos mapas, que apontam os locais e as quantidades de defensivos que devem ser aplicados, o produtor conseguirá economizar e ter uma produção com mais qualidade”, comenta Leonardo Luvezutti, gestor de operações da Perfect Flight. Confira a matéria na íntegra pelo site da Revista de Agronegócios:
Perfect Flight leva demonstração do aplicativo para Agrishow 2019
16 abr 2019

#PerfectFlightNaMídia – EPTV entrevistou a Perfect Flight na Agrotech Show 2019

Rafael Ferreira, gerente de relacionamento e sustentabilidade da Perfect Flight, deu entrevista à EPTV durante a AGROTECH SHOW 2019, em São João da Boa Vista – SP.

“ A agricultura precisa da tecnologia para melhorar a produtividade e a sustentabilidade está cada vez mais aliada a essa tecnologia. As startups trazem toda essa tecnologia para mostrar ao produtor como produzir mais e melhor, gastando menos, rendendo mais, com maior segurança no produto e no próprio alimento que está sendo produzido “ diz Rafael.

Confira a matéria na íntegra pelo site do GloboPlay: https://globoplay.globo.com/v/7535860/programa/
25 mar 2019

#PerfectNaMídia Sustentabilidade garante rentabilidade ao agronegócio

O agronegócio tem a necessidade de, cada vez mais, ser sustentável, seja por conta da exigência para a exportação e dos anseios do consumidor final, seja pela percepção do próprio produtor. A agricultura sustentável é aquela que respeita o meio ambiente, é justa do ponto de vista social, é rentável e garante às gerações futuras a continuidade do cultivo.

Ulisses Rocha Antuniassi, professor da Unesp Botucatu e doutor em agronomia, pontua que o momento atual da agricultura valoriza a consciência e o uso correto e seguro dos insumos. Tanto que vários projetos desenvolvidos por ele abrangem as Boas Práticas Agrícolas (BPA), que são princípios de recomendação técnica que devem ser adotados pelos produtores rurais a fim de obter produtos finais com mais qualidade, assegurando a saúde dos trabalhadores e consumidores e preservando o meio ambiente.

“Manejo e uso controlado de defensivos agrícolas são questões que os produtores devem estar atentos. É cada vez mais importante que eles tenham ferramentas de gestão e monitoramento de tudo o que acontece no campo”, ressalta Ulisses. Ainda segundo o professor, garantir o uso ideal dos produtos resulta em uma safra com mais qualidade, menor custo e sem contaminação do ambiente.

Diante desse cenário, crescem as startups de agronegócio no Brasil, conhecidas como agtechs, que visam trazer ferramentas tecnológicas aos empreendedores rurais. Uma delas é a Perfect Flight: “Nossa solução para a gestão da aplicação aérea de defensivos agrícolas partiu da percepção da falta de controle sobre a qualidade e assertividade da aplicação, além, é claro, da ausência de mapas exatos para preservar o entorno”, explica Leonardo Luvezutti, gestor de operações.

Há quatro anos no mercado, a ferramenta oferecida pela Perfect Flight proporcionou melhores índices de assertividade na aplicação de defensivos aéreos, próximos a 90%, com a preservação de áreas ambientais. “Em alguns casos pode-se constatar que os índices de assertividade prévios ao monitoramento eram de 60%. Já monitoramos mais de dois milhões e meio de hectares e os resultados são efetivos”, diz Luvezutti.

O Pulse, hub de inovação da Raízen ao qual a Perfect Flight faz parte do portfólio, firmou-se como peça-chave no ecossistema de inovação ao também fomentar soluções voltadas à sustentabilidade. No final de fevereiro, o hub organizou, em Piracicaba, um encontro que reuniu diversos parceiros e colaboradores do ecossistema de inovação e discutiu alguns temas relacionados à preocupação da Raízen com o meio ambiente e com a produção sustentável.

“O crescimento sustentável é uma das diretrizes chaves da Raízen e ganhará uma importância ainda maior com o Pulse. Por meio das soluções socioambientais que já temos no nosso porfólio, a empresa consegue evoluir economicamente, sem deixar de atuar na preservação e na mitigação dos impactos ambientais. Além disso, também possibilita o desenvolvimento das comunidades em que suas atividades estão presentes”, afirma Fábio Mota, VP de tecnologia e head do Pulse.

A agricultura é um dos pontos em que a sustentabilidade ambiental e a econômica são determinantes para o sucesso do produtor e da sociedade, conforme pontua o professor Ulisses. “Lavouras sadias e o meio ambiente preservado levarão o agronegócio para um caminho bem-sucedido e próspero, já que dependemos desse setor, que corresponde a mais de 20% do PIB do Brasil.”

Confira na íntegra pelo site da UDOP (https://www.udop.com.br/index.php?item=noticias&cod=1176927)
19 mar 2019

5 coisas que você precisa saber sobre Pulverização Aérea

A pulverização aérea é uma tecnologia utilizada no Brasil há 70 anos. Esta técnica é rápida e aumenta a eficácia dos produtos aplicados.

Segundo o engenheiro agrônomo e gerente executivo da Federação de Agricultura do Espírito Santo (Faes), Murilo Pedroni, a Federação apoia métodos que sejam eficazes e seguros para o produtor. “A Faes defende sempre o uso da tecnologia disponível para o produtor. Se determinado método é mais eficiente, ele deve ser incentivado e não proibido de ser utilizado”, disse. Entre os mais variados benefícios da pulverização aérea, destacamos 5 deles:

• Menor quantidade de defensivos agrícolas;
• Maior precisão na aplicação em melhores condições ambientais;
• Evita o contato do aplicador com o produto;
• Evita disseminação de pragas e doenças;
• Não amassa as plantas;


É também uma prática que economiza aproximadamente 370 litros de água por hectare, ajudando muito na racionalização do consumo de água nacional. Além disso, a pulverização aérea é regulamentada por lei e fiscalizada pelas esferas federal, estadual e municipal.

Fonte: Agrolink
13 mar 2019

Café tem um aumento de 36,9% em sacas

A exportação brasileira de café em grão em fevereiro de 2019, teve um aumento de 36,9% de sacas em relação ao mesmo mês do ano passado. Cerca de 3,109 milhões de sacas de 60 kg foi o resultado de 2019 e em 2018 foi de 2,271 milhões de sacas. Esses dados foram divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia. Teve um aumento de 13% – US$408,7 milhões -em relação a receita cambial – em comparação a fevereiro de 2018 – US$361,8 milhões. Fonte: Brasil Agro
06 mar 2019

Algodão brasileiro ganha mercado graças à tecnologia

A safra do algodão cresceu mais de 20% em relação à última colheita, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento. O que ajuda para essa superprodução são os auxílios das máquinas e tecnologia Ter um algodão de qualidade, é uma busca em todas as etapas de produção. E na época de colheita, os cuidados se intensificam, pois o algodão é um produto que você vende sem ter plantado ainda, então tem que ter o cuidado para conseguir cumprir o prometido. Por isso, na colheita, as estradas internas da propriedade são fechadas para evitar que não suje as plumas. Nessa hora, a movimentação de pessoas e máquinas é grande. E a evolução das máquinas e equipamentos tem sido um difusor de águas para a colheita mais fácil, mesmo que custe mais caro. Grandes grupos chegam a desembolsar até R$ 3 milhões numa única colheitadeira.“Vale a pena porque o rendimento é bem maior. Por dia, colhemos 40 hectares com ela”, afirma Ricardo Tokumo, supervisor de agricultura de precisão. Aumentando o uso de máquinas, diminui o manuseio de algodão, sendo muito bom, pois tem menos perdas, menos contaminação por ter menos contato com o solo, sendo assim, a qualidade é preservada. Com a ajuda da tecnologia e a melhoria do algodão, o Brasil vem conquistando o mundo inteiro e 70% da produção é exportada. “O algodão tem sido uma excelente opção de plantio para o produtor, já que a demanda nas últimas três safras foi maior do que a produção. Então o produtor de algodão está ganhando dinheiro e vai ganhar também na próxima safra com certeza”, projeta Arlindo Moura, presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão. Fonte: Globo Rural
02 mar 2019

Agricultura de precisão

#PerfectNaMídia – O Gerente de relacionamento e sustentabilidade da Perfect Flight, Rafael Ferreira, esteve no Agro Record falando sobre agricultura de precisão. “A tecnologia está disponível para todos, desde pequenos à grandes agricultores, não é um processo custoso, é preciso quebrar esse paradigma”, diz Rafael. Confira o vídeo da entrevista na íntegra pelo link https://www.facebook.com/recordtvinteriorsp/videos/149456602664117
18 fev 2019

Start-ups crescem no Brasil

Os números de Startups crescem cada vez mais no Brasil. Já são mais de 10 mil empresas de tecnologia no país e 45% estão sediadas no Sudeste, segundo a Abstartups – Associação Brasileira de Startups. Porém São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte são grandes centros que estão conseguindo reter os profissionais mais talentosos. O Nordeste também é uma região de constante crescimento e potencial.

Além disso, a Abstartups apontou 328 “martechs”, conhecidas como startups de marketing e tecnologia. O marketing é outro setor que vem crescendo de forma acelerada. Muitas empresas estão focadas em soluções de relacionamento com o consumidor, ferramentas de tendências e gestão de conteúdo.

No mercado internacional, as startups já fazem parte do dia a dia de grandes empresas, que as tem como braço direito para trazer inovação e novas tecnologias para o consumidor. Outro fator interessante é que as startups focavam no B2B, ou seja, eram voltadas para empresas. Hoje elas estão focando cada vez mais no B2C, que é o consumidor final.

 Financiamento coletivo de startups



Há projetos que ficam em plataformas do Equity Crowdfunding, ou financiamento coletivo de empresas, que é uma nova modalidade de investimento e que permite aplicar diretamente em startups sendo apenas um pequeno sócio e fazendo investimentos curtos. O volume de startups por financiamento coletivo cresceu 4 vezes no ano passado, indo de R$ 5 milhões para R$20 milhões.

Orgulho em fazer parte desse time de start-ups!

Fonte: UOL
14 fev 2019

Tecnologia no campo permite controle assertivo da safra.

No Campo Digital do Dia Dia Rural da segunda-feira, dia 04/02/2019, o apresentador Otávio Ceschi Júnior recebeu nosso gerente de sustentabilidade, Rafael Ferreira, para falar sobre como tecnologia no campo permite controle assertivo da safra. Confira na integra pelo link abaixo: https://tvterraviva.band.uol.com.br/noticia/100000948241/tecnologia-no-campo-permite-controle-assertivo-da-safra.html?mobile=true Fonte: Dia Dia Rural
× Como posso te ajudar?