01 abr 2021

Abelhas ganham hotéis no campo para preservação do meio ambiente

Para levar inovação tecnológica à agricultura e medidas de preservação do meio ambiente, a Perfect Flight apoia a Bayer em um programa de agricultura sustentável que fomenta o uso de hotéis de abelhas nas fazendas dos clientes. O objetivo é assegurar a manutenção e biodiversidade desses insetos no meio rural e urbano.

Segundo Leonardo Luvezutti, gestor de operações da startup, os hotéis de abelhas são locais para que diferentes espécies nativas solitárias construam seus ninhos. Esta iniciativa favorece a permanência e reprodução, além de auxiliar no processo de manutenção e preservação das espécies vegetais por meio da polinização.

Polinizadores em perigo

A diminuição da população de abelhas, responsáveis pela maior parte da polinização no planeta, incluindo centenas de árvores frutíferas e outras espécies vegetais que dependem exclusivamente desses insetos para sobreviver, tem sido um dos maiores problemas para a agricultura mundial. Com a redução da quantidade destes insetos, o meio ambiente sofre um impacto extremamente negativo e, inclusive, com extinção em massa de várias espécies animais que se alimentam das plantas polinizadas por eles.

Por esses motivos, as abelhas viraram, nos últimos anos, tema de reportagens na imprensa, debate nas redes sociais e, como era de se esperar, também nas lavouras. Essa discussão tem levado pesquisadores e especialistas a organizarem dezenas de simpósios, congressos e outros eventos para atrair a atenção da população e encontrar saídas para minimizar o problema.

A boa notícia é que, com toda essa exposição, a população está se conscientizando de que é preciso cuidar dos polinizadores. Afinal, segundo dados do Ministério do Meio Ambiente, cada abelha visita cerca de seis mil flores por dia e, ao mesmo tempo, desempenha o seu papel de polinização. Por essa razão, as abelhas são essenciais para a agricultura, que, em grande escala, é um dos fatores responsáveis pela queda no número de colônias,  causadas pelas queimadas, pelo desmatamento, pelo clima, com maiores períodos de seca, e, principalmente, pelo uso indiscriminado de defensivos agrícolas.

Agritechs em ação

Atentas a este cenário, agritechs, como a Perfect Flight, têm trabalhado no desenvolvimento de ferramentas tecnológicas que aprimoram os serviços no campo, mostrando aos produtores rurais que é possível desenvolver uma agricultura de larga escala, com o uso consciente de agroquímicos e preservação do meio ambiente, ao mesmo tempo em que se leva comida de qualidade para a mesa das pessoas.

“Nossa solução para o monitoramento aéreo de defensivos agrícolas partiu da percepção da falta de dados em relação à assertividade da aplicação, além, é claro, de mapas exatos para preservar o entorno”, explica Luvezutti. Por meio da ferramenta oferecida pela startup, foi possível chegar a uma assertividade de até 90% na aplicação de defensivos por via aérea, sem sobreposições e preservando áreas ambientais.

Para se ter uma ideia da importância de ações que preservem o meio ambiente, uma espécie nova de abelha foi descoberta recentemente no Brasil. Batizada de ceratina (ceratinula) fioreseana, ela foi identificada na fazenda Nossa Senhora Aparecida, a 150 km de Brasília, que participa de um programa de agricultura sustentável promovido pela Bayer — as primeiras aparições da abelha aconteceram em uma área de floresta recuperada. Classificada como solitária, pois não vive em colônias, a espécie é caracterizada por ser uma polinizadora importante em ecossistemas naturais.

×